Notícias & Publicações
2016/20/07
Risco País e Estudos Económicos

Inflação deve levar COPOM a cortar juros só no começo de 2017.

A economista da Companhia Francesa de Seguros e Comércio Exterior (Coface), Patricia Krause, depreendeu da leitura que fez do comunicado que se seguiu ao término da reunião do Copom que a autoridade monetária só deverá começar a cortar a taxa básica de juros a partir das primeiras reuniões do colegiado em 2017. De acordo com ela, o documento também faz a ressalva que o cenário externo continua muito ruim.
Ela conta ainda com os efeitos do Brexit (decisão do Reino Unido de sair da União Europeia) gerando instabilidade na economia e a eleição nos Estados Unidos como fatores contrários a uma flexibilização monetária no curtíssimo prazo. “Além disso, a inflação aqui dentro está em 8,84% no acumulado de 12 meses é muito acima dos 6,9% previstos pelo Banco Central”, disse a economista.
Para Patrícia, alguma melhora só se apresentará mais para o final do ano. Com isso, diz ela, "corte de juros só no ano que vem”.

 

 

Por: Francisco Carlos de Assis
Fonte: Agência Estado (AE NEWS)

Contacto


Brazil

Carolina ALMEIDA
Tel: +55 115509-8521
Email: carolina.almeida@coface.com

Início
  • Portugese