Notícias & Publicações
2016/24/03
Risco País e Estudos Económicos

Massa salarial recua 11,2%, pior resultado desde junho de 2011.

Depois de recuar 2,7% em janeiro, na comparação com o mesmo período de 2015, a ocupação caiu para 3,6% no mês passado nas seis principais regiões metropolitanas do país, conforme a Pesquisa Mensal de Emprego, uma perda de 842 mil postos de trabalho. O rendimento médio real, por sua vez, encolheu 7,5%, no mesmo confronto, após recuo de 7,4% em janeiro.

 

Essa combinação levou a massa salarial a recuar 11,2% no mês passado, um dos piores resultados da série histórica da PME. Somando R$ 50,8 bilhões na série do IBGE corrigida pela inflação, a massa de rendimentos - que representa uma fatia importante do volume de recursos disponível para o consumo nas regiões - recuou ao nível de junho de 2011, quando chegou a R$ 50,9 bilhões.

 

Confira a matéria completa no link abaixo.

 

 

Por: Camilla Veras Mota e Rodrigo Polito
Fonte: Valor Econômico - http://www.valor.com.br/brasil/4496492/massa-salarial-recua-112-pior-resultado-desde-junho-de-2011
Transferir este comunicado de imprensa : Massa salarial recua 11,2%, pior resultado desde junho de 2011. (487,69 kB)

Contacto


Brazil

Carolina ALMEIDA
Tel: +55 115509-8521
Email: carolina.almeida@coface.com

Início
  • Portugese